Skip to content Skip to main navigation Skip to footer

Ambiente

Requalificação da Rotunda da Estrada do Zambujal com Av. D.Luís I

Na continuação do trabalho de Requalificação das Rotundas da nossa freguesia, damos conta aqui da intervenção na Rotunda da Estrada do Zambujal e a Av. D. Luís I.

Em destaque nesta intervenção está um dragoeiro, que agora se encontra num terreno arbustivo com flores sazonais e empedrado rústico.

Requalificação da Rotunda na Estrada de Alfragide (junto à PSP)

Continuamos empenhados em tornar a freguesia mais bonita para os nossos habitantes. Requalificámos a Rotunda na Estrada de Alfragide através da colocação de três tipos de superfície – relvado, brita calcária e terreno arbustivo com flores sazonais.

Em destaque nesta intervenção, está a colocação de uma oliveira bonsai, numa elevação do piso relvado, evidenciando a nobreza e a beleza desta espécie mediterrânica.

Este melhoramento está no âmbito do projecto de reabilitação de uma série de rotundas em Alfragide.

SIMAS promovem Ciclo de Debates dedicado à Sustentabilidade

Com o objetivo de fomentar o diálogo e conhecimento na área da sustentabilidade entre as
entidades gestoras do setor, os SIMAS realizam no próximo dia 23 de junho, no auditório do
Templo da Poesia do Parque dos Poetas, em Oeiras, a partir das 9h30, a segunda edição do ciclo
de debates sobre “Inovação e Sustentabilidade”.

Tendo em vista a promoção do diálogo informal e a troca de ideias entre as entidades gestoras
do setor da água, a propósito do tema da sustentabilidade, os SIMAS de Oeiras e Amadora
promovem no próximo dia 23 de junho, a partir das 9h30, a segunda edição do ciclo de debates,
designado de “INOVAÇÃO E SUSTENTABILIDADE”, que terá lugar no auditório do Templo da
Poesia do Parque dos Poetas, em Oeiras. O evento estará também aberto à comunidade via Live
Streaming, através da página de Youtube dos SIMAS.

Este evento, que ocorrerá em duas sessões, uma de manhã e outra da parte da tarde, contará
com a participação da Coordenadora de Novos Sistemas da ADENE – Agência para a Energia, a
Eng.ª Filipa Newton, a Diretora de Serviços do Fundo Ambiental, Dr.ª Ana Catarina Pinheiro, e do
Secretário-Geral do BCSD Portugal, o Dr. João Wengorovius Meneses. A partir das 14h30, o ciclo
de debates é retomado com a participação do consultor nas áreas da Inovação, Tecnologia e
Sustentabilidade e consultor do Banco Mundial, o Dr. Miguel Martins, e, mais tarde, o Eng.º Carlos
Oliveira Augusto, CEO da FACTOR4Sustainability, encerrará este segundo ciclo de debates levado
a cabo pelos SIMAS de Oeiras e Amadora.

Os temas a debater são transversais a toda a organização e procuram, de acordo com uma
abordagem simples e direcionada, esclarecer ideias e enriquecer o conhecimento em termos de
sustentabilidade, independentemente da área de formação, atuação ou interesse.

Muito mais do que apenas C02 e ambiente, a sustentabilidade abrange também a tomada de
decisões nos negócio e questões sociais, impactando diretamente as organizações, a sociedade
e o mundo em geral. Nesse sentido, os SIMAS acreditam ser imperativo o trabalho em conjunto,
onde a colaboração é a palavra-chave.

“Contribuir para o alinhamento da estratégia de sustentabilidade organizacional, integrando a
estratégia de negócio e prossecução do cumprimento dos ODS – Objetivos de Desenvolvimento
Sustentável, é matéria que se encontra inscrita no ADN dos SIMAS há já bastante tempo.”, refere
João Serrano, Presidente do Conselho de Administração dos SIMAS.

Comunicado – Rede de Rega da Freguesia

A exemplo de anos anteriores temos vindo há cerca de dois meses a reparar e recuperar a rede de rega que abastece de água as zonas verdes da nossa Freguesia, tendo já sido substituídos 60 aspersores, 50 bicos pulverizadores, 5 programadores, 10 solenóides, 10 pulverizadores e 36 baterias, foram ainda reparados sistemas que se encontravam inativos há anos.

Lamentavelmente temos verificado danos nessa rede provocados por automobilistas que passando o limite dos lancis destroem ou danificam os aspersores, outros provocados pelos cães que deterioram os aspersores ou a própria tubagem da rede, fregueses que interferem na rede manipulando a abertura e o fecho da água, mas principalmente vandalismo e roubo de programadores e corte de fios eléctricos que permitem o controlo remoto da rega.

Apelamos, por isso, a todos os fregueses e amigos de Alfragide para a melhor compreensão e atenção para o assunto, transmitindo-nos tão breve quanto possível danos que tenham detectado.

A colaboração de todos e o civismo têm de continuar a ser apanágio dos Alfragidenses.

O Presidente

António José da Cruz Paulo

Leia aqui o comunicado